[Leitura] It - A Coisa

Autor: Stephen King
Livro único
Editora: Suma
Ano: 2014
Páginas: 1103
Avaliação: 4/5

Durante as férias escolares de 1958, em Derry, pacata cidadezinha do Maine, Bill, Richie, Stan, Mike, Eddie, Ben e Beverly aprenderam o real sentido da amizade, do amor, da confiança e... do medo. O mais profundo e tenebroso medo. Naquele verão, eles enfrentaram pela primeira vez a Coisa, um ser sobrenatural e maligno que deixou terríveis marcas de sangue em Derry. Quase trinta anos depois, os amigos voltam a se encontrar. Uma nova onda de terror tomou a pequena cidade. Mike Hanlon, o único que permanece em Derry, dá o sinal. Precisam unir forças novamente. A Coisa volta a atacar e eles devem cumprir a promessa selada com sangue que fizeram quando crianças. Só eles têm a chave do enigma. Só eles sabem o que se esconde nas entranhas de Derry. O tempo é curto, mas somente eles podem vencer a Coisa. Em 'It - A Coisa', clássico de Stephen King em nova edição, os amigos irão até o fim, mesmo que isso signifique ultrapassar os próprios limites.
Caraca nem credito que finalmente terminei este livro!!
Não sei muito bem o que acontece nessa minha relação com o Stephen King, gosto muito do jeito que ele escreve mas não é aquele amor de outro mundo, tenho a impressão que não sou insana suficiente para nossa relação dar certo. kkkkkkkkkkkkkkkkk

Lançamento de "Contos de A Fúria e a Aurora"

Se você estava louca para ler os contos desse universo gracinha que a Renne Ahdieh criou, não se desespere mais, a globo alta acaba de lançar um único livro lindinho com todos eles:

O que passava pela cabeça de Khalid antes dele conhecer Sherazade e qual foi a sua primeira impressão ao vê-la? O que ele sentiu, tempos depois, já completamente apaixonado por ela, ao ser forçado a se afastar e ver seu palácio destruído? E como Despina se envolveu e se apaixonou pelo capitão da guarda real Jalal al-Khoury? Nesses três contos, Renée Ahdieh retorna ao mundo de As mil e uma noites para dar voz a Khalid e Despina em pontos chave da história, nos envolvendo novamente nesse encantador universo de palácios, desertos e paixões avassaladoras.
Bora saber direitinho do que se tratam os contos?



#0.25 ↠ The Moth and the Flame : "A Mariposa e a Chama", este conto vai mostrar um pouquinho como foi o início do romance entre Jalal e Despina.

#0.5 ↠ The Crown and the Arrow : "A Coroa e a Flecha", aqui vislumbramos o que se passa naquela cabeça linda do Khalid magya, seus pensamentos a respeito das esposas e suas primeiras impressões sobre Sherazad.

#1.5 ↠ The Mirror and the Maze : "O Espelho e o Labirinto", neste temos todo mundo....kkkkkkk. Tem Khalid em seu caminho de volta ao reino desesperado a procura de Sherazad, e Jalal e Despina em uma D.R. cabulosa. Segundo informações este último conto possui informações bem relevantes a série, mais do que um complemento, ele preenche algumas lacunas que gostaríamos de entender melhor.

Eu amei muito o primeiro livro e não achei que a continuação se manteve tão boa, mas é uma duologia que vale a pena conferir. Ao menos ela foge um pouquinho da normalidade, quem tiver interesse dá uma olhadinha nas minhas resenhas:

1. A Fúria e a Aurora
2. A Rosa e a Adaga

[Leitura] Crônica de Um Amor Louco

Autor: Charles Bukowski
Duologia: Ereções, Ejaculações e Exibicionismos - Parte I
Editora: L&PM
Ano: 2007
Páginas: 320
Avaliação:4/5

Crônica de um Amor Louco é o primeiro dos dois volumes da obra Ereções, Ejaculações e Exibicionismos, do genial escritor Charles Bukowski (1920-1994). Uma jornada pelo universo infernal e onírico do velho e safado Buk – seus personagens desvalidos, seus quartos imundos em hotéis baratos, seus bares enfumaçados na longa louca noite de neon: o sonho americano reduzido a trapos nas ruas desertas da madrugada voraz de Los Angeles, a cidade que Bukowski amava acima de todas as coisas.

Este primeiro volume leva o título do filme que o italiano Marco Ferreri realizou baseado nos textos de Bukowski e cuja linha mestra é extamente o primeiro conto do livro, A Mulher Mais Linda da Cidade. Ao narrar a história de Cass, uma bela mestiça que passara a adolescência em um convento, Bukowski mergulha na excitação frenética, na insanidade corrosiva das noites mormacentas e manhãs de névoa poluída da sua amada Los Angeles. Os contos parecem brotar do seu estômago ulcerado, são jogados ao papel entre espasmos de delirium tremens e fantasias alcoólicas disformes. Perto dessas histórias rudes e ríspidas, os contos de outros autores parecem narrativas de colegiais, que nada têm a ver com o mundo da maquinaria, com esse gigantesco cemitério de automóveis que nos envolve e sufoca. Mas, ao mesmo tempo, Bukowski é lírico. Seus contos terminam bruscamente, mas deixam suspensa no ar uma sensação de dignidade e esperança na raça humana.
E bota louco nisso!

Bukowski não tem rodeios, não há eufemismos nem metáforas. Nada de "membro", "parte de trás" ou "ápice do prazer". Aqui é "pau", "cú" e "gozada". Não haverá dúvidas quando ele descrever uma cena, você terá certeza do que ele está falando.

[Resumão da Semana] De 31 de Julho a 6 de agosto





Para ser bem honesta não li nada essa semana. Para não dizer nada, naaaaada, eu li algumas poucas páginas de A Cruz de Fogo. Ah sabe quando você está tão ansiosa que não consegue se concentrar direito, na verdade estou com a cabeça tão cheia de coisas que não consigo nem ter vontade de ler😢. Mas acredito que essa semana melhore e o negócio vá.🎉


Eu separei dois livros para tentar pegar essa semana, um continua sendo aquele do Outlander e o outro é da minha diva maravilhosa parideira do Grizz❤❤❤, Beth Flynn!!! Pegarei The Iron Tiara para ver se as coisas fluem melhor, estou mega curiosa para ver o que ela aprontou!

"Péeeeeeeeeegasus, ajuda o teu cavaleiro......Gelo, dragão e os guerreiros......Cavaleiros do zodíacoooooooooooooooooooooooo."....Sorte que ninguém está me ouvindo porque a afinação é sinistra, só para se ter uma ideia tentei três vezes entrar no coral caído que tinha na minha escola e fui reprovada em todas as tentativas (ninguém pode dizer que não tentei).....difícil quando os jurados não tem visão...mas tinham audição....mas isso não tem nada a ver com nada, voltemos ao que interessa:

Simmmmmm!!!! Eles estão de volta!!!Na caverna onde me escondia o wifi era uma bosta e eu não sabia que iria ter um reboote!!! oooo Glória! A netflix publicou o poster magya! Confirmados por enquanto 12 episódios com 30 min cada. Sem data de estréia por enquanto.




O Labirinto dos Espíritos: Quarto livro da série "O Cemitério dos Livros Esquecidos" está para sair no forno a qualquer momento. Eu li o primeiro da série (Sombra do Vento), gostei, mas não consigo achar essa coisa de outro mundo que  maioria das pessoas dizem quando se referem a Záfon. Para ser bem honesta eu terminei o livro com uma sensação de " E daí?", foi estranho. Até queria ler outros dele para tirar essa zica, li a muitos anos atrás e talvez não tenha conseguindo absorver a magnitude fodástica que todos sentem.

A História de Malikah: Não tenho a menor ideia de quem seja Malikah mas essa é a história dela.....kkkkkkkkkk. Continuação de Amor nos Tempos Ouro da Marina de Carvalho esse livro promete.......contar a história de Malikah.....kkkkkk....ah como eu sou idiota. Mas voltando ao que interessa, ele vai trazer um tema que não é tão comum nos romances contemporâneos nacionais, a escravidão, achei interessante. Só não sei se é essa é uma daquelas series com livros independentes, mas imagino que sim.

A Bússola de Ouro:  A Suma de Letras prometeu e esse mês cumprirá! Lançará toda repaginada a série Fronteiras do Universo, com traduções revisadas e capas combinandinho!! Own que fofos! Não li a série, mas assisti o filme, fãs da série não me apedrejem mas eu gostei do filme....kkkkkkkk. Essa trilogia sempre esteve na minha lista mas o preço não estava no meu orçamento,espero que agora o preço baixe um pouquinho! Um poucão.

Sabe quando você quer desenhar ou escrever algo com uma cor específica que você não tem? Bem nem eu, mas quem se importa? Essa caneta, diga-se de passagem não pode ser de Deus, ela capta qualquer cor do ambiente e transforma em tinta escrevível ( kkkkkkkkkkkkkkkkkk que palavra horrível, das que eu inventei essa acho que foi a pior), isso não é máximo? Mus dotes artísticos já sabem que não dos melhores, minhas ilustrações não ultrapassam o nível "boneco de palito andrógeno", essa caneta nas minhas mãos seria tipo o Padre Fábio de Melo, um desperdício total de potencial mas eu adoraria ter, achei muito massa!!

video

"Him" virá ao Brasil pela Editora Paralela!!!!

Elle Kennedy e sua amiga Sabrina Bowen escreveram essa duologia amorzinho juntas a uns dois anos atrás, eu devo ter lido a um ano mais ou menos. 

A série trata de uma história gay entre dois amigos: Wesleys (Vai safadão! Vai safadão) que o tempo todo será o Wes❤, ele tem consciência absoluta que é gay e nutre um amor amor platônico pelo melhor amigo hetero Jamie. Até que em uma certa noite.... com certa dose de bebida... certas coisas acontecem.....Bem nem acontece nada demais nessa noite, mas o que ela vai desencadear a partir daí é que vai ❤❤❤❤❤.

Sério gente, eu era uma pessoa que tinha certo receio em ler um romance gay. Não sei dizer exatamente porquê, talvez achasse que não iria me identificar, ou não conseguisse me envolver e me apaixonar por estar faltando um detalhezinho sabe.... mas eu hoje estou renovada....kkkkkkkk  e vou dar meu depoimento:
Tecnologia do Blogger.